Paixão ou amor? Entenda as diferenças e semelhanças entre eles.

Muitas pessoas não sabem bem a diferença entre uma paixão e um amor, pois os dois são sentimentos bem semelhantes.

Existem pontos cruciais que nos fazem distinguir o que é cada um, e não é preciso ser especialista para saber diferenciar.

Para que possamos ter um compreensão mais ampla do assunto, devemos primeiro entender o que é uma paixão e o que é o amor.

Sentimento chamado paixão

A paixão é um sentimento profundo, onde a pessoa demonstra um afeto excessivo pelo outro, assim como uma atração.

Ela passa a ser um problema quando os excessos começam a aparecer, se tornando uma moléstia para a outra pessoa.

Paixão quando envolve atração é algo gostoso e podemos dizer que necessária, é a chama que alimenta um relacionamento.

Sem ela um relacionamento esfria, e deixa até mesmo existir, ou com o excesso dela, passa a ser um inferno.

Na verdade, a paixão tem que ser muito bem dosada em ambos, fazendo com que se mantenha acesa a chama entre o casal.

Sentimento chamado amor

O amor é um sentimento puro, sem interesse, onde a pessoa se doa pela outra, quem ama é capaz de compreender, até mesmo de sentir a dor outro.

É um sentimento nobre, um dos mais antigos, e possui diversas vertentes.

Existe o amor materno, entre mãe e filho, o paterno, entre pai e filho, o amor fraterno, entre irmãos e o entre um casal, conhecido com eros.

Segundo o Filósofo Hubbard “quanto mais damos amor, mais amor temos dentro de nós para dar. O amor altruísta é capaz de mudar a vida de quem ama”.

O amor anda de mãos dadas com a paixão

Muitas pessoas não sabem, mas o amor é o melhor amigo da paixão, os dois formam uma dupla perfeita, quando a paixão não sobrepõe o amor.

O amor é como aquele velho fogão à lenha, que precisa de uma chama boa e controlada para mantê lo aceso, que é a paixão.

Quando existe amor de verdade, também haverá uma grande paixão entre o casal, isso torna o relacionamento muito mais agradável.

A paixão é necessária para apimentar a relação, como já sabemos, ela está ligada a atração, aqui em especial, a atração sexual.

Venhamos e convenhamos, o sexo fica muito mais gostoso quando estamos totalmente envolvidos e apaixonados.

A explicação é simples, quando amamos e estamos apaixonada por uma pessoa, nosso corpo libera quantidades consideráveis de alguns hormônios.

A endorfina, serotonina, entre outros que estão ligados diretamente ao prazer, porém, também ligada a sensação de bem estar, são os responsáveis pelas transformações do nosso humor.

Então, quanto mais amor e paixão sentimos, mais estes hormônios serão liberados em nosso corpo, e mais prazer sentiremos.

O amor tem o dom de perdoar, já a paixão não

Quando falamos em amor, falamos de um sentimento puro e altruísta, ou seja, existe uma completa entrega de alma.

Quem ama é capaz de perdoar, reconhecer que como seres humanos estamos sujeitos a cometer erros.

Quem ama se coloca no lugar do outro, e sabe o quanto é difícil não cometer falhas, ele é maduro para tal coisa.

O amor de verdade tudo suporta, ele é como coluna de uma casa que é açoitada por várias tempestades, porém, ainda sim se mantém erguida.

Quando se trata de paixão, estamos falando de um sentimento profundo sim, porém não existe essa entrega de alma, que encontramos no amor, además, a paixão nunca será altruísta.

Uma pessoa apaixonada é incapaz de perdoar falhas, ela enxerga a outra pessoa sem imperfeições, e quando passa a observar esses defeitos, deixa de ser atrativa para ela.

Na verdade acaba se tornando uma pessoa comum, e deixa de ser aquilo que algumas pessoas apaixonada criam em suas mentes.

Isso torna difícil o processo que envolve o perdão, pois um apaixonado não consegue se colocar no lugar do outro, e reconhecer que podemos errar.

O dom da entrega

Não existe amor, se não há entrega, é bem simples. Na verdade o nome disso que você sente é somente paixão, não confunda.

Quem ama se esvazia de si, se entrega ao outro em sua plenitude, pois existe uma completa confiança para isso.

O amor é algo sublime, podemos dizer que realmente é um dom que nos foi concedido por Deus para mantermos unidos.

Infelizmente, quem carrega consigo somente a paixão, no final não carrega nada, pois ela um dia termina, logo assim que enxergamos os defeitos do outro.

Na paixão não existe uma verdadeira entrega, você deixo o outro ter uma parte de você, porém nunca será como um todo. E por fim, acaba sendo rasa, pois não existem renúncias, em alguns aspectos se mostra até mesmo egoísta.

Paixão sem amor, é somente fogo, e para o fogo tem dois caminhos, o de se apagar, ou de consumir o que vier pela frente.

O sexo

Sabia que podemos diferenciar uma paixão do verdadeiro amor? Sim, o sexo fala muito a respeito disso.

Primeiro, quando você ama, não faz sexo, faz amor. Sexo fazem os apaixonados, e não que seja ruim, na verdade é muito gostoso, porém é só sexo mesmo.

Quando existe amor entre o casal, o sexo é algo diferente, não somente é atração ou desejo, é algo bem mais profundo. Impossível descrever em palavras, somente dá para sentir.

Existe uma comunicação de corpo de alma neste momento, ele se importa com você, faz questão de fazer coisas durante o sexo que te agrade.

Você fará questão de deixá lo louco, em querer ficar ali do seu lado, mesmo depois do sexo, abraçadinhos.

Já quando existe somente paixão, infelizmente não existe tanta preocupação com o outro, na maioria das vezes os homens só querem satisfazer o desejo de sua carne.

Para mulheres que buscam mais, isso tudo acaba sendo muito superficial, para as que querem aproveitar o momento, será uma experiência bem prazerosa.

Tudo vai depender do que você está buscando nessa relação, se realmente é amor ou paixão. Tudo depende da sua escolha final.

Se você gostou das nossas dicas para fazer com que você entenda melhor as diferenças entre amor e paixão.

➥Não perca a oportunidade de baixar nosso e-book clicando aqui, nele você vai encontrar muito mais informações.

Sobre Redação | Chave do Coração do Homem

Equipe de Redação da Chave do Coração do Homem